Ibicuí-Bahia

Ibicuí é um município do estado da Bahia, no Brasil. Sua população estimada em 2010 era de 15.618 habitantes.

Topônimo

“Ibicuí” é um termo de origem tupi que significa “água do pó da terra”, através da junção dos termos yby (“terra”), ku’i (“pó”) e‘y (“água”).

História

Riacho de Areia era a denominação das terras que inicialmente pertenciam ao município de Poções.Seus primeiros habitantes, os índios Pataxós e Camacãs, da família Tupi, foram expulsos em 1782, com as Entradas e Bandeiras, composta por mais de 60 homens, comandadas pelo Sargento-Mor Raimundo Gonçalves da Costa, os quais numa penetração pelas margens dos Rios Gongogi e Novo e seus afluentes, transpuseram a região.

Estas terras foram inicialmente apossadas pelo Alferes Benedito de Campos, no lugar denominado Triunfo (atual fazenda de Manoel Firmino Lopes). O tenente José Alexandre do Lago, no local Casa Branca; Cassiano José Pinheiro, em Bom Sossego; e Francisco Vasconcelos Bitten Court, em Mocó; todos margeantes do Rio Novo e registrados perante D. José Diogo de Sá Barreto, juiz do têrmo de Poções, em 1898.

Até 1913, o território do município de Ibicuí era coberto por matas virgens, habitadas por índios. Naquele ano, chegaram José Veiga e Marcelino Silva Novo e suas famílias, vindas das caatingas de Poções. Os primeiros instalaram-se nas zonas do Rio Novo e Riacho de Areia, onde ocorreram os primeiros desmatamentos para a formação de pastagens e cultivo das lavouras de milho, feijão, mandioca, fumo e café.

Em 1916, Francisco Ferreira de Almeida construiu a primeira casa no local conhecido popularmente como “Rua Apertada” (atual 12 de dezembro), tomando posse das terras da região de Riacho de Areia. Em 12 de outubro de 1920, o padre Pithon celebrou a primeira missa em Rio Novo do Guarani, na fazenda do Sr. Jezuino Vieira Lima.

Turismo

Ibicuí é há muito tempo conhecida por suas festas juninas. Pessoas de todo os municípios da Bahia e de outros estados brasileiros vão à cidade para aproveitar o frio e o forró do mês de Junho. Durante todo o ano, a cidade se prepara para esta festa, que movimenta uma grande quantidade de dinheiro. O número de visitantes, atraídos pelas boas atrações na Praça Régis Pacheco e nas “festas de camisas”, chega a ultrapassar o número de moradores da cidade.

Inúmeras bandas de forró conhecidas nacionalmente se apresentam todos os anos em Ibicuí. Bandas estas como Mastruz com Leite, Estakazero, Calcinha Preta, Canários do Reino, Limão com Mel e cantores como Flávio José. Bandas regionais também marcam presença nesta festa, entre elas Cacau com Leite e a indispensável Banda Lordão, que toca neste São João a muitos anos. Até Luiz Gonzaga, o conhecido “Rei do Baião”, já se apresentou em Ibicuí.

Site oficial da cidade


Advertisements