Mirante-Bahia

Mirante é um município brasileiro do estado da Bahia. Sua população estimada em 2010 era de 16.476 habitantes.

História

O município de Mirante foi desmembrado do município de Boa Nova. Sua emancipação ocorreu em 13 de junho de 1989, através da Lei Estadual nº 5023, sancionada pelo então Governador Nilo Coelho, Mirante apareceu pela primeira vez como aglomeração pertencente ao município de Boa Nova no censo demográfico realizado em 1950, onde foi registrada uma população de 265 habitantes.Geograficamente bem plantada à margem do traçado da BR-030, a 471 km da Capital do estado, seu principal eixo rodoviário é a Br – 116 – (Rio Bahia) que passa a um distância de 65 km da sede do município, cujo percurso conta com 40 km de leito natural – Estrada de Barro.

Atualmente é constituída pelos povoados de Areião, Melancieira e comunidade de Espírito Santo, Laranjeiras, Cágados, Mutuca, Melancia, Barra do Engano, Tatu, Lavrado, Cachoeira do Mel, Lagoa do Odorico, Lagoa da Pedra, São Domingos, Pelados, Passagem, Macacos, Aliança, Gongo, Barreirinhos, Gavião, Barra do Gavião, Jibóia, Paraíso, Teiú, Troncos, Tamburi, Queimadas, Onça, Salgadinha, Umbuzeiro, Baixas, Lagoas, Bengo, Grama e Barra do Mel.

O município limita-se com as cidades de: Boa Nova, Bom Jesus da Serra, Caetanos, Tanhaçu, Contendas do Sincorá, e Manoel Vitorino. Possui em seu município vários rios permanentes e temporários, como: Rio do Peixe, Rio Gavião, Rio de Contas e Ribeirão da Caveira.

Localizada no polígono da seca, sua área compõe-se de terras improdutivas e de vegetação típica da caatinga, tem clima seco e quente, com topografia ligeiramente ondulada.

Sua economia está assentada na pecuária, agricultura de subsistência, lavoura algodoeira, na produção de mamona e ovino, caprino, em desenvolvimento de pois de sua emancipação política, além da pecuária de bovinos, suínos e lavoura de subsistência em feijão e milho.

A administração pública é feita através dos três poderes: legislativo, executivo e judiciário. Porém, na atual conjuntura política a gestão pública passa a contar e valorizar ainda mais a participação popular, que vem desenvolvendo novas formas de crescimento econômico e social dos seus entes federativos, principalmente dos municípios.

Sabemos que o espaço público é o local de encontro dos cidadãos, onde as relações se estabelecem. Porém, quando há a interlocução de organismos estatais coma sociedade, esse espaço torna-se ma esfera pública organizada. Assim, teremos uma sociedade politicamente participativa.

Informações Geográficas

ÁREAS NATURAIS

Barragem do Areião – Povoado do Areião: Represa construída por escravos. Formada pelos rios da Contas e Gavião. Utilizado na pesca e no lazer.
Rio da Caveira: Curso D’água temporário, utilizado para a lavoura, pesca e lazer.
Rio do Peixe: Curso D’água temporário. Utilizado para a lavoura e pesca.
Serra do Mirante: Da comunidade do Espírito Santo à comunidade Pelados, ponto mais elevado do município, onde predomina vegetação mais densa com privilegiada vista para a sede.

  • CEP: 45.255-000
  • DDD: 0xx77
  • Voltagem: 220volts
  • Distância da Capital: 471 quilômetros
  • Rodovias de acesso: BR 030 e Rod. Mirante Bom Jesus da Serra
  • Eixo Rodoviário: BR-116 (Rio Bahia)
  • População total: 10.507 habitantes
  • Superfície: cerca de 927,82 km².
  • Povoados: Areião, Melancieira e Recreio.
  • Temperatura Média: 22,7º C (máxima de 34,5º e mínima de 18,4º C).

Site oficial da cidade


Advertisements