Mulher gasta mais de R$ 400 mil para transformar ônibus em uma casa minúscula e incrível

Você já sofreu tentando redecorar sua casa? Pode ser uma tarefa até empolgante no início, mas na hora de partir pra ação dá certa preguiça… Ainda mais sabendo todo o dinheiro que deverá ser investido nisso. É, decoração de ambiente não sai barato! E Jessie Lipskin que o diga! Moradora de Nova York e com 30 anos de idade, a mulher pretendia reduzir o tamanho de sua casa e viver de uma forma bem mais sustentável.

Ela sempre apoiou a ideia de praticar a sustentabilidade em sua vida. Foi depois de assistir a um documentário, onde o arquiteto Michael Reynolds criava estruturas movidas a energia solar, que ela teve uma grande ideia. Decidiu transformar um ônibus em sua casa. Segundo ela: “A transição foi bastante natural depois que eu li mais sobre estilos de vida sustentáveis, casas pequenas e tudo isso. Então eu resolvi investir”.

Um dos únicos problemas era que ela ainda não tinha um ônibus. Recorreu então ao eBay, onde conseguiu comprar um veículo do ano de 1966, que custou cerca de R$ 27. 394. Mas ainda tinha um porém… Ela não estava com sua carteira de motorista em mãos. Havia passado na prova recentemente mas o documento ainda não havia chegado. Então, seus amigos a ajudaram a transportar o ônibus para casa.

“Meus dois amigos o levaram de volta ao estado de Nova York e eu aluguei um lugar por um curto tempo enquanto trabalhava nele. De lá, mudei-o para Nova Jersey só porque conheci pessoas que poderiam me ajudar a trabalhar nisso”, disse ela. Chegando lá, contratou um carpinteiro que fez algumas peças de madeira que iriam revestir o piso de sua nova casa.

A transformação durou três anos

Pois é, se você tem preguiça de pequenas reformas que duram um mês, imagine ter a paciência para esperar três anos! Ela conta que alguns dos maiores desafios estavam na construção dos muros e de armários: “Se o ângulo não for exatamente o mesmo toda vez que você estacionar (o ônibus), pode ser que tenha um problema ao abrir uma porta ou algo assim”, disse ela. Estacionar em lugares desnivelados, nem pensar!

O projeto teve início ainda em 2015 mas só ficou pronto em janeiro deste ano. Lipskin conta que transformar o ônibus em uma espaço habitacional lhe custou em média, o equivalente a R$ 489 mil. Nesse valor está tudo incluso, desde o encanamento até a decoração. E olha… O trabalho ficou realmente incrível! A cozinha tem uma grande pia, com bancadas de madeira e um fogão bem moderno e ainda conta com uma máquina de lavar roupas

A mulher ainda conta que seu espaço preferido é o quarto, que por sinal, tem muitos livos e nada de televisão: “Eu amo não ter uma TV. Eu tive a opção de colocar, mas realmente gosto de acordar de manhã e ouvir os pássaros do lado de fora da minha janela”, disse ela.

O que acaba chamando atenção é todo o cuidado que ela tem com a organização. Mas conta que sempre foi uma pessoa muito organizada e esse não é um problema. Ela se dá muito bem dentro de sua nova casa e está mais feliz do que nunca, descobrindo que a vida no apartamento de Nova York a preparou para sua experiência na minúscula casa/ônibus.

Venda

Apesar de tudo isso, ela decidiu vender o projeto que passou três anos construindo. E por incrível que pareça, conta que depois de alguns meses vivendo ali, percebeu que o espaço ainda é muito grande para ela, que mora sozinha. Dessa forma, uma van já seria mais do que o suficiente, ainda mais porque pretende viajar o máximo que puder.

Ficou interessado? O valor de venda do veículo é de aproximadamente R$ 580 mil. Algumas pessoas já demonstraram interesse mas ela ainda não fechou negócio.

E então pessoal, o que acharam? O ônibus ficou uma gracinha, não é mesmo? Compartilhem suas ideias com a gente aí pelos comentários!