Seleção de Historias engraçadas

Seleção-de-Historias-engraçadas-capa.jpg

Histórias engraçadas não podem faltar no domingo com os amigos e a família. Dê muitas risadas com a gente!

Seleção de Historias engraçadas:


Acompanhei um dos meus paroquianos ao tribunal para resolver certos problemas jurídicos. Enquanto eu esperava, um homem reparou em meu colarinho e comentou:

– Hum, pelo visto rezar não adiantou muito, não é?

REVERENDO F. WILLIAM HODGE, EUA

Um colega bastante respeitado na polícia e que tinha sido meu instrutor estava se aposentando. Em sua festa de despedida, o delegado fez um discurso enaltecedor, dizendo que muitos não estariam ali se não fosse a ajuda dele. Emocionada, levantei e disse:

– Eu mesma posso dizer que não estaria como estou agora se não fosse por causa deste homem!

Todos caíram na gargalhada, em vez de aplaudirem, como eu pensei que fariam.

Então, me “toquei” que eu estava grávida de oito meses!

GLENDA LAKE, REINO UNIDO

Meu tio é coveiro. No funeral, ele abriu a cova errado.

– Papai nunca encontrou vaga certa para estacionar – disse a filha do morto.

EMILY WILLMOT, EUA

Eu morava na Alemanha e trabalhava como motorista do secretário de Defesa do Canadá, que participava de uma conferência na Bélgica. Quando voltamos à Alemanha, na fronteira, os fiscais pediram os passaportes e nos encararam por 15 minutos. Ao chegar em casa, minha mulher perguntou se eu havia olhado meu passaporte esses dias.

– Hum… não – respondi.

Quando verifiquei, vi a foto da minha mulher em vez da minha. Por engano, levei o passaporte dela antes de viajar!

JOE WALSH, CANADÁ

Um rapaz chegou à loja de calçados onde minha irmã trabalha querendo abrir um crediário. Ela informou que ele precisava apresentar alguns documentos. No dia seguinte, ele voltou trazendo RG, CPF, contracheque e uma foto em que aparecia junto à família, em frente ao muro de sua casa. Minha irmã, sem entender, perguntou o porquê daquela foto:

– Ué, foram vocês que pediram! Eu trouxe… Está aí o meu comprovante de residência.

ANTONIO FARIAS DE MOURA, JACUPIRANGA (SP)

A bibliotecária da nossa escola avisou que estava pedindo transferência para outra unidade, então um colega professor perguntou para um aluno do terceiro ano da faculdade:

– Por que você acha que a Sra. Richardson está indo embora?

– Ah… vai ver ela já leu todos os livros!

SCOTT MUIR, EUA

Quando eu trabalhava em uma central de atendimento de cartões de crédito, atendi a uma ligação de um cliente querendo saber o saldo da conta corrente.

– Saldo de conta corrente é em outro telefone, senhor – informei.

– Por quê? Não pode ser mais de orelhão?

VALTER ROLIM CAVALCANTE, SÃO PAULO (SP)

Silêncio

Durante sua quarta semana de treinamento no Exército, meu neto conseguiu fazer uma breve ligação telefônica para mim. Ele disse que estava frequentando a capela da base todas as semanas, o que me agradou muito.

– Todo mundo aqui vai à igreja. Lá é o único lugar onde não gritam com a gente.

JOYCE NELSON, EUA

O filho de uma amiga servia em uma força-tarefa na Europa e foi ferido em ação. Ele foi levado a um hospital militar e minha amiga correu para vê-lo. Chegou em tempo recorde, e estava ao lado do filho quando este recuperou a consciência. Suas primeiras palavras quando a viu foram:

– Xii! Fiz besteira! Minha mãe está aqui!

KAREN DIETRICH, EUA

Um amigo dentista tinha de fazer os testes de rotina em pacientes que precisassem de anestesia, na clínica em que trabalhava. Depois de colher o histórico médico de uma bela mulher, ele pediu a ela que tirasse a blusa para que pudesse auscultar seu pulmão. Quando viu que a mulher estava nua da cintura para cima, aturdido, ele colocou o estetoscópio a esmo em duas partes do corpo dela e falou:

– Ok, já terminei. Pode colocar a blusa.

– Obrigada, mas você não tinha de ter colocado esse aparelho no seu ouvido?

VAHEH AVANESSIAN, REINO UNIDO

Fonte: Seleções